| PORTAL AGRESTE VIOLENTO

PM CONECTADO

Águas Belas (87) 99919.2115
Angelim (87) 99979.3204
Bom Conselho (87) 98101.7402
Brejão (87) 98101.8739
Caetés (87) 98146.4946
Canhotinho (87) 99612.2683
Capoeiras (87) 9.9819-5367
Calçado (87) 98116.4066
Correntes (87) 98134.0114
Garanhuns (87) 98139.1576
Jupi (87) 99962.2743
Jucati (87) 98111.2481
Lajedo (87) 9.8144-9320
Lagoa do Ouro (87) 991794150
Paranatama (87) 98121.5364
Palmeirina (87) 98143.4566
São João (87) 98116.1430
Terezinha (87) 98124.0865

Rádios e Parceiros

domingo, 16 de julho de 2017

Um agricultor de 32 anos morreu ao colidir com a moto que pilotava em um veículo Doblo na conhecida curva da coca-cola, PE-218 no Município de Brejão. O acidente aconteceu na tarde de sábado (16/7).

De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima foi identificada como Heleno Alves de Lima. Ele pilotava uma motocicleta CG Titan de cor azul, e placa KHP-1571/PE.

A Polícia Civil esteve no local e encaminhou o corpo para o Instituto de Medicina Legal em Caruaru, no Agreste do Estado.

Compartilhe   

sábado, 08 de julho de 2017

Devido às fortes chuvas que atingem a nossa região, a Prefeita Beta Cadengue, no uso de suas atribuições legais, resolve antecipar o recesso escolar para a próxima segunda-feira 10 de julho,  com a finalidade de prevenir possíveis acidentes devido as más condições das estradas vicinais do município, objetivando preservar a integridade física de todos os estudantes que utilizam o transporte escolar, a decisão não prejudica o calendário escolar, visto que, será mantido os duzentos dias letivos previstos em lei.

Governo de Brejão – Amor por nossa gente.

Compartilhe   

quinta-feira, 22 de junho de 2017

E a cidade de Brejão já está em clima de festa, é que já se encontra totalmente montado e ornamentado o “ Palhoção do Povo” local onde acontecem as apresentações das atrações que compõem a programação Junina do município.  Além do palhoção, outros espaços da praça Vereador José Augusto Pinto, no centro da cidade, também estão sendo caracterizados com ornamentação adequada para o período.

O “São João do Povo” como foi denominado, deverá ter sua programação iniciada nesta quinta-feira (22) a partir das 19 horas, quando está programada a realização da “Jovem Drilha”, a animação ficará por conta do Caminhão Rota do Som e do cantor Léo e Banda. Já na sexta-feira (23) a partir das 21 horas, véspera de São João, a expectativa é que um bom público compareça, para prestigiar os shows do cantor Wagner Carvalho e da banda Expresso Forronejo.

No sábado(24) a partir das 9 da manhã na Vila Ferreira, os cavaleiros de toda região se encontram na 16º Cavalgada de São João em Brejão, na chegada, prevista para as 16 horas, a recepção dos participantes do evento acontece na quadra poliesportiva Genival Cadengue de Santana, onde no cardápio, será servida uma deliciosa feijoada, e no repertório, muito forró pé-de-serra com a  Banda Rei do Cangaço. Pra encerrar o final de semana, no domingo (25) a partir das 21 horas, no “Palhoção do Povo” se apresentam, a banda Forró de Verdade, e em seguida, o cantor Josildo Sá.

Vale lembrar, que o “São do Povo em Brejão” tem sua programação sendo finalizada no Povoado de Santa Rita no próximo dia 30 na Escola Intermediária João Cabral, onde está prevista a apresentação de quadrilhas a partir das 18 horas e muito forró com a Banda Rei do Cangaço. O evento é uma realização do Governo de Brejão com apoio do Governo do estado de Pernambuco, através da Empetur.

Compartilhe   

quinta-feira, 08 de junho de 2017

Sim. Liev Tolstoi dizia que ‘muitos vivem não percebendo que já morreram’. Que dizer de quem passa a vida olhando o tempo, como se imune aos fatos? Que dizer de quem, mesmo cercado, vive na solidão? Que dizer do viciado, peso de si e dos seus, e para quem a morte lhe representa alento? Tolstói aborda um relacionamento conflitante pelo ‘defeito’ – um viciado – de sua personagem e cuja relação não se sustentava nem mesmo em nome das chamadas convenções sociais — as aparências. Daí sê-lo um cadáver vivo. Cadáveres.

Detenho-me aqui sobre outro: o cadáver Lula da Silva. Cinco vezes réu e (mais uma) nova denúncia que pode o tornar pela SEXTA, recebimento de R$ 1 milhão nas reformas do sítio em Atibaia — corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Cadáver jurídico. Nem mais é preciso fazer referência à vida bandida de Lula (sobejamente conhecida), traidor do povo brasileiro. É o chefe que montou todo o esquema de corrupção nas estatais em nome de um Projeto de Permanência do Poder do PT. Não são seus inimigos que o dizem — sê-lo o chefão, mas àqueles com os quais esse Projeto de Poder seria dividido. São os apóstolos entregando o Mestre. Palocci é mais um. Ninguém mais (somente a defunta) gozava de tamanha intimidade com Lula, e era dado como certo para sucessão de 2010, até que estourou o caso Francenildo, caseiro da “República de Ribeirão”, residência onde figurões do PT tinham encontros com prostitutas e consumo de drogas e reuniões para trocas de vantagens envolvendo dinheiro público. Então, se tem alguém que conhece as vísceras podres e o coração maligno de Lula (afeito ao assalto) é o senhor Palocci, que com ele ‘se deitava’. Dentre outras, deve confirmar que ‘sim’, Lula é o tão propalado “Amigo” das planilhas da Odebrecht, e que a criação da Sete Brasil foi uma farsa com o fito de desviar dinheiro exclusivamente para o PT — Vaccari e Renato Duque e Lula empreendimentos. O depoimento de Palocci deve representar o Fim de Lula — Cadáver jurídico. A pá de cal nesse defunto putrefato.

Socialismo de fachada. Verdadeiramente, a ideologia de Lula é a do “Bon vivant”, um fazedor de vaudevilles (circo petista) com vencimentos de uma sinecura (suas palestras). Como fachada a tudo isso, Lula se apegou ao Socialismo de Fidel. Até se veste (idem o resto da trupe) à moda: boné (com estrelinha) e camisa vermelha. É como se fôssemos Soldados à sua voz: “Marchem! Não pensem! O Estado pensa por vocês!” — Fidel foi o homem do século XX, disse Lula. Quem viveu na ilhota de Fidel comeu o pão que o diabo amassou, é sabido. Tinha de rezar por seu manual de guerrilha. Enquanto ao cubano era dado UM QUILO de carne de porco com soja para passar 15 dias, Fidelzinho tinha uma vida de ‘glamour’: iate, vinhos e whiskys e iguarias francesas, e muitas mulheres para seu descanso. Lula também elogiou Maduro, a Venezuela de hoje sendo o mais puro retrato do caos — nem papel higiênico eles têm, e vêm invadindo nossas fronteiras pedindo ‘socorro’. Um gangster, esse Lula. É o que ele queria: o poder duradouro como esses ditadores. Em troca: Prouni e Fies (sem critérios) a alunos vadios cujas notas no ENEM faziam vergonha. Nota ZERO na redação e estavam dentro — dinheiro público pelo ralo. Em troca: bolsas-misérias que viciam o cidadão e lhe tiram a dignidade. Depois, discursinho enganador que ‘tirou milhões da pobreza’. Destes, mostra-nos um doutor?!” — O homem do povo, diz. Por que esse ‘homem do povo’ precisa de Tríplex e Sítio Cinco Estrelas e Milhões em palestras dadas a surdos e outros Milhões de dólares em contas na Suíça, por quê? Sem chance, Lulinha. Ainda que ‘golpista’, temos uma imprensa livre. Ainda que corrupto, temos um Legislativo. Ainda que ‘totalmente acovardado’, temos um Judiciário. Eles em nosso nome dizem ‘não’ a você, pretenso ditador. Temos Leis, Lula. E elas hão de colocá-lo na CADEIA.

— Estranho. Um brasileiro como eu acabar assim: na cadeia. Lutei tanto por mudanças. Fui ‘o mais’ dos brasileiros. Tudo em vão.

— Estou a descer para a cova. Num Brasil assim cheio de investigação, qual o meu futuro? Não há lugar para nós do PT. Findaremos (como muitos já estão) na cadeia. Sou hoje o quê? Um trapo de gente?

Não, Lula. Menos: um cadáver vivo.

José Maria

Compartilhe   

quinta-feira, 01 de junho de 2017

Policiais civis da cidade de Brejão no Agreste pernambucano prenderam nesta quinta-feira (1º de junho), através de Mandado de Prisão, o José Cícero de Lima Costa, de 40 anos, acusado de praticar um homicídio no dia 17/09/2016 na mesma cidade. A prisão aconteceu após alguns dias de investigação no intuito de localizar e prender o acusado.
Segundo a Polícia Civil, José Cícero teria assassinado com golpes de faca peixeira o Fábio Júlio da Silva, durante uma bebedeira. Eles teriam se desentendido quando o agressor desferiu os golpes e saiu correndo antes da chegada da polícia, ficando foragido até esta data.

O preso foi levado para a delegacia do município e encaminhado para o sistema prisional do estado, onde ficará à disposição da justiça.

Veja mais:

HOMEM É ASSASSINADO A FACADAS DURANTE BEBEDEIRA, EM BREJÃO

Compartilhe   

quinta-feira, 01 de junho de 2017

Uma Guarnição Tática da Polícia Militar realizava o patrulhamento de rotina, quando visualizou dois elementos em uma moto em atitude suspeita na estrada de acesso ao Balneário de Antônio Justino, Garanhuns/PE, porém os elementos ao avistarem a viatura empreenderam fuga em alta velocidade. Ainda segundo a PM, os mesmos foram seguidos e abordados. Após verificar os dados da motocicleta Titan 150, cor preta, ano 2007 foi constatado que ela era produto de roubo e havia sido roubada em 06/01/2017 na festa de Reis em Brejão/PE.

Os elementos, dois celulares e a moto foram apresentados na delegacia de polícia.

Compartilhe   

sábado, 27 de maio de 2017

Nuazinha, e já na cama, esperava o amante, ainda de cueca, que vai tirando. Entrara pela garagem, próximo da meia-noite. Talvez trouxera um gravador nas roupas para, dependendo de sua índole, chantageá-la, bem como ao marido, que tudo flagra chegando da viagem encurtada. “O que é isso!?”, ele. E agora, José? Num lampejo de cinismo e de ‘vai que cola’, simulando pranto, a mulher se projeta ao marido, e dispara: “Ainda bem que você chegou, amor! Quase fui estuprada por esse sujeito!”.

Depois de vir à luz o encontro de Joesley Batista com Michel Temer, sua postura tem sido à da mulher acima. Temer tem colocado toda a culpa em Joesley.

— Ele é um falastrão. Criou uma crise para lhe tirar proveito. Lucrou milhões e foi para os EUA. Nem preso e nem julgado. Fui vítima —, disse Temer.

Diz ainda que Joesley se serviu e foi além servindo a terceiros. Ora, Michel Temer, se Joesley fez tudo isso e se safou fora porque teve excelentes colaboradores, vc sendo um deles e o maior. O recebeu em casa, àquela hora, conversa imprópria, e nos vem com essa? – Tem de manter isso, viu? – Ótimo. – Pode fazer. São trechos seus no diálogo com Joesley, que é alvo de cinco operações da PF por pagamento de milhões em propinas. Sua conversa com ele e não se discutia o Papa Francisco e sua carta, que condena o consumismo e a destruição do meio ambiente. Então, quaisquer que sejam as colocações da sua fala (tempo e espaço) dentro do contexto do diálogo com Joesley, se vislumbra (de maneira límpida e cristalina) sua conduta desonrada e indecorosa, flagrante acinte às leis e aos princípios ético-morais. O episódio o atinge duplamente: como pessoa física e jurídica, você não cabendo mais dentro desta.

Muito se tem discutido o acordo fechado por Joesley com a PGR. Que os irmãos Batista fizeram um negócio da China. Paciência! Aqui os fins justificam os meios e eu concordo com Maquiavel. O Rei está nu. Joesley tirou-lhe a roupa. Toda “Nudez deve ser castigada” como diz Nelson Rodrigues.

Joesley é isso mesmo, tudo de ruim? Vejo nele a personagem “Geni” de Chico e da “Mulher adúltera” da Bíblia. Pedras e pedras. Mas, e os políticos? E os eleitores destes?
— Sei que errei. Contudo, há um sistema a ser questionado. Submeti-me a ele, que “cria dificuldades para vender facilidades”. Aqui é assim. Cresci em outros países sem ser transgressor —, disse Joesley.
Cinismo? Pode ser. Verdade, não?

A velhinha de Taubaté é um personagem de Veríssimo. Ganhou fama por ser “a última pessoa no Brasil que ainda acreditava no governo”. Morreu desiludida. Não podemos mais acreditar nesses governos. No Brasil sempre.

José Maria

Compartilhe   

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Um grave acidente matou um homem de 58 anos e deixou duas  pessoas feridas sendo uma grave na manhã desta sexta-feira (26), na rodovia PE-218, no município de Brejão, no Agreste de Pernambuco.

O acidente envolveu um veículo Etios, branco, placa PED-9477, uma motocicleta Honda Bros vermelha, placa KJE-5220 e um caminhão VW/17280, branco, placa BAM-0398.

Testemunhas informaram que o condutor do Etios  identificado como, Sebastião Sergio Solto Maior, teria ultrapassado a moto em uma curva e colidiu com o caminhão. Com o impacto da batida ele ficou preso às ferragens e veio a óbito no local, o piloto da moto identificado como Ademilson Monteiro da Silva, sofreu lesões de natureza grave, também ficou ferido o estudante Gabriel Leandro de Azevedo, de 14 anos, ele era o garupa da moto e sofreu um corte na testa, o motorista do caminhão, Edekjefferson Erikson Vaz da Silva, de 30 anos, saiu ileso.

O SAMU foi acionado para socorrer as vítimas para o Hospital Regional Dom Moura, o ferido leve ficou em observação enquanto o outro foi removido para o Hospital da Restauração em Recife.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para retirar o corpo da vítima fatal das ferragens, o cadáver foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Compartilhe   

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Vi essa postagem no face e não há como segurar o riso. Aqui é prá rir, sim. Passado esse momento de descontração e a coisa ‘é prá chorar’, afinal quem mais perde com isso tudo somos nós: privados já do que nem temos: emprego e saúde e segurança… Voltemos ao cabaré. A palavra, em si, tomou (indevidamente) a acepção de ambiente desorganizado e sem dono. Todo mundo mandando e desmandando. Se Beth Cuscuz se expande, não é bem assim! Mas, e o Brasil, é ou não um cabaré? Beth Cuscuz assumindo nos desonraria tanto quanto nos têm desonrados nossos ‘honorabilis’ mandatários? Analisemos no sentido próprio, da carne — não a carne da JBS, que tem provocado um mal-estar na classe política. Disenteria geral, hein Temer?! Debrucemo-nos em alguns fatos: a orgia do dinheiro público. Alberto Yousseff (em delação) afirmou que dinheiro desviado da Petrobras foi usado para pagar serviços de prostituição com ‘famosas’ da tv. “Monik”, dispensa apresentação; já o “artigo 162”, planilha apreendida, se referia ao endereço de uma Cafetina conhecida como “Jô” (concorrente de Beth), que agenciava os programas para os dirigentes da Petrobras e políticos. Nenhum programa saía por menos de R$ 20 mil, eles (os políticos) que pagavam gozando e rindo da nossa cara. É cabaré, isso aqui? Dinheiro na cueca, lembram? Foi o que fez o assessor do deputado petista José Guimarães (CE), flagrado com US$ 100 mil quando viajava para o estado natal. Coitado do pinto (espremido)! Sei não, viu! Muito dinheiro! Acho que houve invasão de fronteira. “Quem quer dinheiro?!”, Sílvio Santos. É ou não, cabaré? E a senadora de olhos verdes, de cognome “Amante”? Uh, quão sugestivo para o assunto em pauta, não! Mas foi isso mesmo. Em delação — essa palavra pegou de um jeito, e logo vai entrar no Guinness Book como a palavra mais amada (ou não) dos brasileiros —, em delação dizia, o ex-vereador petista Alexandre Romano trouxe à tona seu casinho de amor com a senadora: “Era sexo selvagem. Ela me arranhava todo. Vinhos e champanhes finíssimos. Fizemos um tour pelo mundo, e nos melhores hotéis e resorts”. Sêmen, suor e risos. À custa de quem? Detalhe: o ex-vereador era muito ligado ao ‘sócio’. Não duvido que tenha rolado um “Ménage à trois”. E por que não? Enquanto isso, o contribuinte brasileiro (pagador da festinha) nem pode pensar em sair do convencional. É em casa mesmo! Finalmente, não podemos deixar de mencionar a figura do metrossexual Joesley Safadão: se deu bem à beça. Cabaré, sim, o Brasil! Vem, Beth Cuscuz, assume!

José Maria   

Compartilhe   

sábado, 20 de maio de 2017

Não basta ser honesto. Tem de parecer. “À mulher de César não basta ser honesta. Deve parecer honesta”. Foi por não parecer honesta que o grande general romano Júlio César repudiou sua segunda esposa. Havia rumores de que era namoradeira. Nada foi provado, mas ele a repudiou: “Certos comentários não me caem bem. Como César, a mim não!”. Temer, você é (ainda) o presidente! Estas gravações e conversas… Ainda que não lhe sobrevenha crime algum, elas o comprometem e muito. A um outro talvez nem tanto. Mas a você! A César! Como não o colocar sob suspeita? Como não o assemelhar à mulher de César? Tem crime sim, Temer! Pior: a você foi relatado crime: “Temos um Procurador (bandido) amigo!”. Ora! Nem venha com essa de gravação editada. Você o recebeu. Foi isso editado? A conversa foi de absoluto teor espúrio. Foi editada? E quão ingênuo você, Temer. Quem houve (de início) já percebe armadilha. Mais um motivo para ser alijado do cargo. Você é um idiota (QI de Dilma). Nem venha com essa de gravação editada. O que não dá mais para ser editado é um governo com essas peças que se têm no Congresso Nacional. Por mais arranjos e montagens que se façam e o produto final é de estourar os tímpanos. Soneto ruim e emenda idem (Du Bocage). Nem venha com essa de gravação editada. Não! Nem venha! De há muito tempo que vocês (PT e PMDB e PSDB) vêm subestimando a nossa inteligência. O sujeito delata e aí partem para desqualificar o delator como se o que dissera não fosse confrontando com outras provas — conjunto harmonioso do libelo. É verdade! Existe a presunção da inocência consoante nossa Carta Magna, que foi relativizada pela prisão em 2ª instância conforme STF. No seu caso isso não importa. Você violou “A máxima de César”, que deveria ser aplicada a todos os políticos. Não basta ser honesto. Tem de parecer. “Ave, César, aqueles que estão prestes a morrer o saúdam”. Ave, Temer, morrerás e saudaremos.

José Maria

Compartilhe