| PORTAL AGRESTE VIOLENTO

PM CONECTADO

Águas Belas (87) 99919.2115
Angelim (87) 99979.3204
Bom Conselho (87) 98101.7402
Brejão (87) 98101.8739
Caetés (87) 98146.4946
Canhotinho (87) 99612.2683
Capoeiras (87) 9.9819-5367
Calçado (87) 98116.4066
Correntes (87) 98134.0114
Garanhuns (87) 98139.1576
Jupi (87) 99962.2743
Jucati (87) 98111.2481
Lajedo (87) 9.8144-9320
Lagoa do Ouro (87) 991794150
Paranatama (87) 98121.5364
Palmeirina (87) 98143.4566
São João (87) 98116.1430
Terezinha (87) 98124.0865

Rádios e Parceiros

sexta-feira, 09 de dezembro de 2016

armando duarte51A justiça eleitoral reprovou as contas eleitorais do prefeito eleito de Caetés, Armando Duarte (PTB). A decisão foi tomada na tarde de ontem (08) e pode gerar complicações jurídicas para o atual gestor do município.

A prestação de contas apresentada pela coligação “Caetés no Rumo Certo” foi impugnada pela “Frente Popular de Caetés”, que apontou diversas irregularidades que indicavam indícios de Caixa 2. Posteriormente técnicos da própria Justiça Eleitoral encontraram outros pontos obscuros nas contas eleitorais, inclusive, com a descoberta de quase R$ 70 mil que não foram declarados oficialmente.

decisaoPor entender que as irregularidades encontradas são graves e insanáveis, a juíza Priscila Maria de Sá, decidiu desaprovar as contas do prefeito e do vice que foram reeleitos em outubro passado.

Compartilhe   

quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

tiago-acidente-fatal-garanhuns-agreste-violentoUm rapaz de 20 anos morreu na manhã desta quarta-feira (30), vítima de uma colisão envolvendo um carro e uma moto que aconteceu no município de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.

O acidente que vitimou Tiago Cavalcante da Silva, foi na terça-feira (29/11), ele sofreu ferimentos que causaram traumatismo cranioencefálico e torácico, foi socorrido para o Hospital Regional Dom Moura e devido à gravidade dos ferimentos foi transferido para o Hospital da Restauração, onde veio a óbito.

Tiago era morador do Sítio Várzea Suja, zona rural do município de Caetés.

Compartilhe   

quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

Dois elementos de 15 e 32 anos foram detidos por policiais militares na manhã de quarta-feira (30) quando faziam uso de entorpecentes no centro da cidade de Caetés/PE.

Ainda de acordo com a polícia, o efetivo realizava rondas nas imediações de um bar na área central da cidade quando os elementos ao avistarem a viatura empreenderam fuga e tentaram se desvencilhar de uma porção de maconha e um pote com aproximadamente 600ml de thinner, porém não obtiveram êxito e foram detidos, sendo encaminhados à delegacia de polícia da cidade e autuados em flagrante.

Compartilhe   

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Uma mulher foi assassinada a tiros e suas sobrinhas de 9 e 14 anos baleadas na cidade de Caetés, no Agreste pernambucano. O crime aconteceu por volta das 19h desta segunda-feira (28) na Rua Sete de Setembro, localidade conhecida como Rua Nova.

quiteriaquiteria-barbosaDe acordo com a Polícia Civil, dois elementos utilizando uma motocicleta de cor escura teriam invadido a residência da vítima e efetuado vários disparos de revólver calibre 38, acertando quatro deles em Quitéria Barbosa, de 30 anos, que não resistiu. Ela estava sobre a cama com uma filha de 1 ano nos braços, mas a criança não foi alvejada. Já as duas sobrinhas que estavam juntas dela foram alvejadas, mas não se sabe com quantos disparos nem a gravidade dos ferimentos, devido elas terem sido socorridas de imediato para o Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns.

Os Agentes encontraram um projétil de calibre 38  sobre a cama da vítima e outras perfurações a bala no colchão.

proojetil-calibre-38Quitéria era ex-presidiária e saiu da prisão há cerca de 4 anos. Ela havia sido presa na cidade de Caetés por tráfico de drogas com seu companheiro que tem várias passagens por envolvimento com drogas. Eles portavam 60 pedras de crack quando foram abordados pelo efetivo do GATI 9ºBPM, em 25 de dezembro de 2012.

A Polícia Militar após ser informada do assassinato, efetuou várias rondas naquela região em busca dos assassinos, mas eles não foram encontrados.

casa-da-vitimaUma equipe da Polícia Civil esteve no local e encaminhou o corpo para o Instituto de Medicina Legal. A delegacia do município dará continuidade as investigações.

Compartilhe   

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

homicidio-caetes-agreste-violento-2Um homem foi assassinado na noite deste domingo (27), no Sítio Barriguda, zona rural do município de Caetés, no Agreste pernambucano.

A vítima foi identificada como sendo o agricultor, Geovando de Souza Teixeira, de 26 anos, ele bebia com outras pessoas no bar de Kiki, quando foi alvejado por tiros de pistola calibre 380, não resistiu e morreu no local.

Também foi alvejado com um tiro na perna, o agricultor Rodrigo Tavares, de 27 anos, ele foi socorrido para o Hospital de Caetés e transferido para o Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, e não corre risco de morrer.

O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife, com esse subiu para oito o número de pessoas assassinadas este ano no município, a Polícia Civil já está investigando o caso.

Compartilhe   

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

vitima-sendo-socorridaUm capotamento por volta das 23h55 de domingo (13) deixou uma mulher gravemente ferida. O acidente aconteceu na BR-424, proximidades da entrada do bairro da Cohab III em Garanhuns.

carro-capotadoUma testemunha do acidente procurou a Delegacia de Homicídios de Garanhuns que estava de plantão neste final de semana e informou aos policiais que um veículo Fiat Uno de cor vermelha havia capotado e se encontrava uma mulher caída ao solo. De imediato os agentes acionaram o SAMU e Corpo de Bombeiros e também foram ao local junto com a testemunha. No local indicado foi encontrada uma jovem aparentemente grave e não havia ninguém dentro do veículo Fiat Uno de cor vermelha e placa KKL-7640 da cidade de Caetés/PE. Logo em seguida apareceu outra testemunha que informou ter visto um homem correndo em disparada pra dentro do bairro da Cohab III, os agentes foram em busca dele, mas o mesmo não foi encontrado. Populares que se encontravam no local disseram que o veículo pertencia um morador de Caetés, que aparentemente fugiu sem prestar socorro à vítima.

capotamento-proximo-a-cohab-3A jovem que não tinha identificação foi socorrida pelo SAMU. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) também estiveram no local e tomaram as devidas providências.

Compartilhe   

quarta-feira, 09 de novembro de 2016

armando-caetesAs Eleições Municipais em Caetés foram finalizadas oficialmente no último dia 2 de outubro, mas ao que tudo indica um segundo turno vem se travando naquele Município.

É que depois de a Frente Popular de Caetés, Coligação que teve como candidato a Prefeito Benedito da Silva (PSB), ter apresentado a Justiça e ao Ministério Público, denúncias quanto a supostas irregularidades na prestação de contas da campanha do Prefeito Reeleito Armando Duarte (PTB) (saiba mais clicando AQUI), agora é a vez do Grupo Político liderado pelo petebista pleitear junto a Justiça Eleitoral a impugnação da prestação de contas finais dos candidatos a Prefeito e a Vice-prefeito da Frente Popular de Caetés.“Dentro das determinações legais, verificou-se que, a Coligação (Frente Popular de Caetés) foi quem não apresentou corretamente as suas prestações de contas de final da campanha para a Justiça Eleitoral. Observou-se a total ausência de informação de entrada e saída de recursos para custear até o próprio material de campanha, revelando assim, a utilização de recursos financeiros não contabilizados, configurando desta maneira, atos ilícitos”, registra a nota distribuída pela Assessoria de Imprensa de Armando Duarte.

benedito-caetesA nota assinada por Wando Pontes, atual secretário de Cultura de Caetés, registra também, que os partidários de Benedito da Silva usaram de artifícios ilegais na Campanha, como: “provocações, acusações levianas e até a divulgação de pesquisa falsa”, e que “agora, tentam novamente levantar acusações sem consistência judicial (…); visando tão somente o acirramento dos ânimos entre os Munícipes”, observou Pontes.

Apesar de contra-atacar a postura adotada pelos partidários de Zé da Luz e de Benedito da Silva, a nota do PTB não traz qualquer esclarecimento quanto às denúncias protocoladas pelos adversários políticos junto a Justiça Eleitoral e apenas se reserva a registrar que “as prestações de contas do pleito eleitoral 2016 (…); foram realizadas com sucesso dentro do prazo estipulado e já estão na Justiça Eleitoral”, e ainda que “todo e qualquer tipo de novos esclarecimentos serão fornecidos sempre que se fizer necessário, pois, a Coligação Caetés no Rumo Certo, que elegeu Armando Duarte Prefeito, declarou todos os gastos de campanha nas suas prestações de contas finais aos Órgãos de fiscalização da Justiça Eleitoral”, pontua trecho da Nota distribuída a Imprensa Regional.

(Com informações do Blog de Carlos Eugênio)

Compartilhe   

domingo, 06 de novembro de 2016

marciel-kure-agreste-violentoA população de Caetés poderá ir às urnas mais uma vez, caso a impugnação das contas eleitorais do prefeito reeleito Armando Duarte (PTB) seja julgada procedente. No último sábado (5), a coligação “Frente Popular de Caetés”, que teve como candidato Benedito da Silva (PSB), impugnou a prestação de contas da chapa adversária. A medida foi adotada com base em diversas irregularidades verificadas no relatório final apresentado à Justiça Eleitoral pelo petebista Armando Duarte.

As irregularidades são tão graves que é impossível não se falar em suspeita de “Caixa 2’’, como afirma a peça jurídica que será analisada pela Justiça e pelo Ministério Público. De acordo com a legislação em vigor, todos os candidatos a cargos eletivos devem prestar contas de tudo o que receberam como doação e do que gastaram durante os dias da campanha eleitoral. No caso de Caetés, verificou-se que muitas despesas contraídas pela coligação “Caetés no Rumo Certo”, não apareceram na prestação de contas, embora tenham sido pagas. O que se deseja saber com isso, é de onde saiu o dinheiro para pagar essas despesas, já que não foi do caixa 1, ou seja, do balanço financeiro informado às autoridades.

Uma das principais despesas da campanha de Armando Duarte, foi a contratação do cantor Maciel Kuré, para a produção dos jingles eleitorais do candidato. Em outras campanhas, como Águas Belas e Itaíba, por exemplo, onde o artista prestou o mesmo serviço, os valores gastos foram devidamente comunicados à Justiça. No caso de Águas Belas, o candidato Luiz Aroldo (PT), pagou a importância de R$ 7 mil e em Itaíba, o candidato Juliano Martins (PP) gastou com Maciel Kuré, R$ 8 mil.

Outra suposta irregularidade que indica a existência de um fundo financeiro ilegal na campanha de Armando, foi a contratação de um trio elétrico para animar a inauguração do comitê político do candidato. O trio elétrico de fato foi contratado e esteve no ato político, mas o valor pago pela prestação do serviço não foi declarado.

Fato não menos grave, é a declaração de informação falsa à Justiça Eleitoral no que diz respeito à contratação do caminhão “Rota do Som”, que esteve em Caetés por quatro vezes ao longo da campanha. O valor que foi gasto nas quatro apresentações, segundo a prestação de contas de Armando foi de R$ 6 mil, o que daria R$ 1.500 por cada vez, no entanto, o responsável pelo caminhão, o senhor Jaime Machado Ramos Neto, confidenciou num diálogo telefônico gravado por um interlocutor, que cobrou R$ 5 mil por cada apresentação em Caetés, desmentindo por completo a versão do candidato. Já nos municípios de Calçado e de Jupi, o caminhão “Rota do Som”, teria cobrado R$ 4 mil por apresentação em campanha política, ou seja, um valor de mercado totalmente diferente do que foi informado à Justiça pelo candidato Armando.

Outro indício de irregularidade encontrado nas contas de Armando, foi a emissão de notas fiscais por empresas que não têm registro na Receita Federal e na Junta Comercial para a execução dos serviços informados, é a mesma coisa de um médico assinar um projeto de construção de um prédio. Além disso, aparecem dois prestadores de serviço que são umbilicalmente ligados à administração municipal, o que revela um indício de que o pagamento de serviços eleitorais foi efetuado com recursos públicos ou de que os serviços foram executados em troca da manutenção dos contratos firmados com a prefeitura.

CONSEQUÊNCIAS – A legislação eleitoral prevê o impedimento de diplomação daqueles candidatos cujas prestações de contas tenham sido desaprovadas e a medida vale tanto para o prefeito, quanto para o vice, o que naturalmente provoca a convocação de uma nova eleição.

Procurador regional eleitoral conceituado no Estado de São Paulo, Paulo Tadeu, entende que “a simples omissão na prestação de contas é falta grave e, portanto, passível de desaprovação”. Já ministros de cortes superiores também já opinaram no mesmo sentido em outros casos. Marco Aurélio Melo chegou a declarar o seguinte: “Aquele que apresentou contas, mas foram rejeitadas, não pode obter a certidão de quitação eleitoral”. Já o ministro Dias Toffoli, entende que após o transcorrer da ação, quem teve contas eleitorais desaprovadas fica inelegível.

COMPRA DE VOTO – O que torna a situação jurídica do prefeito reeleito Armando Duarte, ainda mais complicada, é uma ação de investigação eleitoral solicitada durante os dias da campanha, que apura a compra de votos e abuso de poder político e econômico, além do uso da administração pública com fins eleitorais. O genro do prefeito, José Ronaldo de Melo, que é também secretário de finanças do município, foi flagrado oferecendo dinheiro e vantagens para um eleitor de Caetés, caso ele decidisse votar no candidato Armando Duarte. O flagrante foi gravado e entregue à Justiça Eleitoral, ao Ministério Público Federal e ainda à Polícia Federal. O caso já está sendo analisado pelas autoridades.

(Com informações da Assessoria de imprensa do PSB de Caetés)

Foto: Cantor Maciel Kure, responsável pelos jingles políticos não declarados.

Compartilhe   

quinta-feira, 03 de novembro de 2016

Um agricultor de 43 anos foi encontrado lesionado no rosto, dentro de um bar, no Sítio Atoleiro, zona rural de Caetés.

De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima foi socorrida pelo SAMU para o hospital local e em seguida transferida para outra unidade hospitalar em Garanhuns. Pessoas que se encontravam no local não souberam informar o que teria ocorrido para que a vítima fosse lesionada.

O policiamento realizou rondas naquela área à procura de informações e do possível suspeito de ter causado as lesões a vítima, porém nada foi constatado.

Compartilhe   

quarta-feira, 02 de novembro de 2016

idoso-morre-atropelado-caetes-agreste-violento-2idoso-morre-atropelado-caetes-agreste-violento-1Um idoso morreu atropelado na noite desta quarta-feira (2), na rodovia BR-424 em Caetés, Agreste de Pernambuco.

De acordo com informações da polícia, a vítima José Caitano da Silva, de 79 anos, caminhava na rodovia quando passou por um trecho que não existia acostamento e teve que andar em cima da pista de rolamento, momento em que foi atingido por um veículo Gol, de placas CAF-7979.

A vítima que era natural de Garanhuns e residia em Custódia, no Sertão, sofreu ferimentos graves, não resistiu a gravidade das lesões e veio a óbito no local, o condutor do veículo quando percebeu que a ele estava morto se evadiu.

O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) em Caruaru.

Compartilhe