| PORTAL AGRESTE VIOLENTO

PM CONECTADO

Águas Belas (87) 99919.2115
Angelim (87) 99979.3204
Bom Conselho (87) 98101.7402
Brejão (87) 98101.8739
Caetés (87) 98146.4946
Canhotinho (87) 99612.2683
Capoeiras (87) 9.9819-5367
Calçado (87) 98116.4066
Correntes (87) 98134.0114
Garanhuns (87) 98139.1576
Jupi (87) 99962.2743
Jucati (87) 98111.2481
Lajedo (87) 9.8144-9320
Lagoa do Ouro (87) 991794150
Paranatama (87) 98121.5364
Palmeirina (87) 98143.4566
São João (87) 98116.1430
Terezinha (87) 98124.0865

Rádios e Parceiros

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Um grave acidente foi registrado na tarde desta segunda-feira (30) na BR-424, em Garanhuns no Agreste de Pernambuco. O acidente aconteceu nas proximidades da entrada da Cohab III, local onde tem acontecido acidentes com frequência. Ao menos uma pessoa veio a óbito no local, a vítima foi José Nildo Avelino de Barros, que tinha 44 anos e era morador do município de Capoeiras/PE.

Cerca de 20 pessoas viajavam no ônibus escolar da Prefeitura do Município de Capoeiras, o número de pessoas é impreciso, pois as vítimas são pacientes de hemodiálise e sempre andavam acompanhadas. Eles haviam acabado de saírem da cidade de Garanhuns com destino a Capoeiras, quando o motorista do ônibus perdeu o controle que causou o acidente. Na hora chovia, e isto pode ter contribuído para que o veículo planasse na pista.

Informações da prefeitura de Capoeiras são que, o veículo que normalmente transportava os pacientes, cerca de 15 deles, estava em manutenção, por este motivo o ônibus escolar foi utilizado para ir buscá-los no hospital em Garanhuns.

Segundo informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo desceu a rodovia em alta velocidade e planando, momento que desgovernou. Foi repassado também que os pneus apresentavam mau estado de conservação, o que pode ter sido a principal causa do acidente que já está sendo investigado pela Polícia Civil.

Várias viaturas do Corpo de Bombeiros, SAMU e ambulâncias da região prestaram socorro às vítimas que ficaram espalhadas dentro do mato. A princípio, todas elas foram levadas para o Hospital Regional Dom Moura em Garanhuns.

O comandante do 9º Batalhão, TC. Paulo César, esteve no local coordenando as viaturas da Polícia Militar que isolou a área até que todas as vítimas fossem socorridas.

Uma equipe da 2ª Delegacia de Polícia Civil deu início as investigações do acidente e encaminhou o corpo da vítima fatal para o Instituto de Medicina legal (IML) da cidade de Caruaru/PE. O corpo foi encaminhado através de uma funerária contratada por familiares, pois o Governo do Estado não disponibiliza dos serviços de remoção de cadáveres para esta região.

O Agreste Violento tentou entrar em contato com a Prefeita de Capoeiras Neide Reino, como em outras ocasiões a gestora não atendeu as ligações.

O ônibus envolvido no acidente faz parte do programa Caminho da Escola, criado pelo Governo Federal com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares, garantindo segurança e qualidade ao transporte dos estudantes.

PERGUNTAR NÃO OFENDE

De quem é a responsabilidade dos pneus estarem carecas, sem condições de tráfego?

É essa a segurança dada aos estudantes por parte da Prefeitura de Capoeiras?

É dessa maneira que pacientes do município são transportados?

O Agreste Violento está a disposição da prefeitura para divulgar as respostas.

Compartilhe   

sábado, 28 de janeiro de 2017

Um feirante de 38 anos reagiu a um assalto na manhã de sexta-feira (27), na feira livre do centro de Capoeiras, no Agreste, e com ajuda de populares conseguiu desarmar e deter o assaltante.

De acordo com a Polícia Militar que atendeu ao chamado da vítima, o homem contou que o meliante anunciou o assalto e ele reagiu, conseguindo tomar o revolver do indivíduo; nesse momento um outro meliante, possível compassa, subtraiu seu aparelho de celular e correu. Com ajuda de populares o ladrão foi amarrado e entregue ao policiamento.

Ainda segundo a polícia, o suspeito foi identificado como Marcos Fabrício da Silva, 21 anos, residente no bairro Santa Tereza, na cidade de Lajedo/PE. O possível compassa não foi encontrado e desapareceu com o celular da vítima. Foi apreendido um revólver calibre 32 com 06 munições, sendo duas intactas e quatro pinadas.

Apresentado na delegacia da cidade, o Marcos Fabrício foi autuado em flagrante e encaminhado ao poder judiciário.

Compartilhe   

sábado, 21 de janeiro de 2017

Policiais militares do 9º BPM realizavam rondas no centro da cidade de Capoeiras, quando por volta das 9h30m da sexta-feira (20), abordaram um homem de 50 anos que pilotava uma moto CG 150 Titan, de cor verde e placa KKQ-1853/PE. Segundo a PM, ao consultar os dados da motocicleta foi constatado que a mesma era produto de roubo.

A moto e o homem foram encaminhadas para a delegacia de polícia onde o caso foi apresentado e aberto inquérito para investigar o roubo.

Compartilhe   

sábado, 14 de janeiro de 2017

Essa é destaque no Blog Capoeiras:

“Na tarde dessa sexta-feira, dia 13, o município de Capoeiras parou para se despedir do seu pároco, Monsenhor Geraldo Batista de Lima, falecido na noite dessa quinta-feira, dia 12, no Hospital Português, em Recife. O sepultamento do Religioso ocorreu no inicio da noite, na Matriz de São José, em Capoeiras. A despedida foi marcada pela celebração de várias missas no decorrer do dia, e pela emoção dos católicos, clero diocesano, autoridades, amigos e familiares do Monsenhor.

A Santa Missa de despedida ao Monsenhor Geraldo Batista foi celebrada pelo Bispo Diocesano Dom Paulo Jackson e contou com a participação de todos os Padres da Diocese. Durante a Homilia, Dom Paulo registrou o significado da morte para os que creem em Deus.

Autoridades também acompanharam a despedida ao Monsenhor Geraldo Batista. Dentre os presentes, destaque para as prefeitas de Capoeiras, Neide Reino e de São Bento do Una, Débora Almeida, além do Prefeito de Caetés, Armando Duarte e o deputado estadual Alberto Feitosa.

Representando os paroquianos de São José, comunidade em que o Padre Geraldo atuou como Pastor por cerca de 45 anos, o cidadão Roberto Noronha gradeceu pelo Monsenhor haver existido. Ele relembrou uma frase que certa vez ouviu do Monsenhor e que, segundo Noronha, mexeu com sua vida: “e se você não existisse, que falta você faria?. Mas ainda bem que você existiu meu pai, nosso pai (espiritual) firme e forte”, disse Roberto se referindo ao Monsenhor Geraldo.

Numa última homenagem, o féretro com o corpo do Monsenhor Geraldo Batista foi carregado em cortejo pelos Padres e escoltado por militares do Exército Brasileiro pela Praça João Borrego, retornando a Matriz de São José onde o Corpo foi sepultado.

Compartilhe   

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Capoeiras esta de luto e chora a perda do seu pastor espiritual. Nesta quinta-feira, às 21:40h, faleceu aos 81 anos, o Monsenhor Geraldo Batista de Lima. Ele morreu no Hospital Português, no Recife, onde estava internado desde o dia 27/12/2016, depois de ter procurado atendimento medico no Hospital Municipal de Capoeiras, e o medico o encaminhar para o Hospital na capital pernambucana.
Nas semanas seguintes as notícias que chegavam eram de que o Monsenhor Geraldo apresentava melhora no seu quadro de saúde, que suas pernas haviam desinchado e que a pneumonia não havia retornado como temiam os médicos. Varias pessoas o visitaram no Hospital no Recife.
Infelizmente chegou o seu dia, e Deus o chamou. A noticia do falecimento do Monsenhor Geraldo logo se espalhou através das redes sociais, e as 23:30h o Monsenhor José Augusto, através do serviço de som da Matriz de São José comunicou aos paroquianos a triste notícia; ele também convocou os católicos para a 00:00h assistirem a primeira missa celebrada em intenção da alma do padre Geraldo.
Natural de Brejo da Madre de Deus, padre Geraldo como muitos o conhecem chegou a Capoeiras no mês de abril de 1972 onde permaneceu a frente da Paróquia de São José até falecer nesta quinta-feira (12). No último dia 09/01/2017, ele completou 45 anos de sacerdócio.

Do blog Capoeiras

Compartilhe   

terça-feira, 03 de janeiro de 2017

No início na manhã desta terça-feira (03), moradores protestaram interditando a PE-193 entre Capoeiras e a Vila Araçá em Caetés; eles tocaram fogo em pneus impedindo a passagem dos veículos. Os moradores reivindicam do DER a construção de quebra-molas naquele trecho da PE-193 que muitas pessoas chamam de “PE da morte” devido ao grande número de acidentes com vítimas fatais registrados no local.

A construção de quebra-molas no local é uma reivindicação antiga dos moradores e, que varias vezes foi requerida oficialmente por autoridades dos municípios de Capoeiras e Caetés ao DER, que infelizmente até a presente data não atendeu o pleito.

Há cerca de dois anos o DER prometeu que construiria os quebra-molas; foi acertado que a prefeitura de Capoeiras sinalizaria com placas o trecho da PE-193, e o órgão estadual faria os quebra-molas. A prefeitura de Capoeiras colocou as placas e até hoje o DER não apareceu para fazer a obra.

As placas indicando onde deveria haver os quebra-molas viraram motivo de piadas; pois em muitos lugares que tem quebra-molas e não tem placa indicativa, enquanto aqui em Capoeiras tem as placas, mas não tem os quebra-molas.

Enquanto o descaso das autoridades para resolver o problema se arrasta, os acidentes continuam acontecendo  na PE-193 entre Capoeiras e a Vila de Zé de Sinhozinho, e pessoas morrendo.

(Com informações do Blog Capoeiras)

Compartilhe   

segunda-feira, 02 de janeiro de 2017

Um homem morreu na noite deste domingo (1º) após uma colisão envolvendo um carro e uma motocicleta na PE-193, em Capoeiras, no Agreste pernambucano.

A vítima fatal, José Luiz das Silva, de 55 anos, viajava como passageiro em uma motocicleta Honda Bros, placa KJU-3534, quando colidiram com um veículo Ford Ka, placa PEJ-6619, José teve morte imediata, o condutor da moto identificado como, Cícero Luiz de Melo Filho, de 60 anos, foi socorrido pelo efetivo do Corpo de Bombeiros para a emergência do Hospital Regional Dom Moura em Garanhuns, seu estado de saúde não foi divulgado.

O Ford Ka era ocupado por duas mulheres, elas não sofreram ferimentos, compareceram ao plantão da 18ª Delegacia Seccional de Garanhuns, prestaram esclarecimentos e foram liberadas, o corpo da vítima fatal foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Compartilhe   

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

O Partido Democratas, através dos advogados Raphael Parente, Luís Galindo e Rodrigo Albuquerque encaminhou ao Juiz Eleitoral de Capoeiras o terceiro pedido para cassar o diploma e o registro de candidatura de Neide Reino (PSB), que foi reeleita prefeita do município na eleição de dois de outubro deste ano.

As duas primeiras solicitações à Justiça foram por abuso de poder político e econômico (compra de votos), que foram divididas em “compra por dinheiro” e outra por entrega de material de construção, além da retenção de títulos de eleitor de vários moradores da cidade e zona rural.

Quanto ao terceiro pedido, ao qual foi dado entrada no fórum nesta terça-feira (27), foi por conta da rejeição da prestação de contas da campanha da candidata, maquiadas conforme já foi comprovado pela representante do Poder Judiciário.

Os advogados do Democratas pedem uma nova Ação de Investigação Judicial, contra Lucineide Almeida Reino e Júlio Valença da Costa, prefeita e vice-prefeito reeleitos de Capoeiras.

“Como se sabe, Lucineide Almeida Reino e Julio Valença da Costa disputaram a eleição municipal de Capoeiras do presente ano, tendo sido sagrados vencedores do pleito. Entretanto, após o encerramento da eleição e a consequente analise da sua prestação de contas de campanha, processo tombado sob o nº 0000125-27.2016.6.17.0130, esse  MM. Juízo constatou irregularidades graves, que ensejaram a rejeição das contas de campanha, tendo sido apontadas várias irregularidades e acintes a legislação eleitoral, bem como a isonomia do  pleito eleitoral”, argumentam os três advogados no documento enviado à juíza.

Em seguida a equipe do escritório de advocacia avalia a “legitimidade, cabimento e tempestividade” da ação, faz um exame aprofundado dos fatos que provocam a contestação, fundamenta juridicamente o pedido, citando as principais irregularidades cometidas, para no final pleitear:

1º) Seja autuada e processada a Ação de Investigação Judicial Eleitoral, sob segredo de justiça, nos termos do Código de Processo Civil;

2º) Sejam notificados os investigados para, no prazo de 05(cinco) dias, apresentem a defesa que tiver, e, no mais, produzir, se entender necessário, os meios de provas admitidos em direito;

3º) A intimação do “Douto Representante do Ministério Público” para atuar, neste feito, como fiscal da lei;

4º Ao final, seja julgada procedente a ação de investigação judicial eleitoral, para cassar os registros, diplomas e mandatos dos investigados, assim como para declarar a inelegibilidade de todos os investigados, cominando-lhes sanção de inelegibilidade para as eleições a se realizarem nos 8 (oito) anos subsequentes à eleição em que se verificou o abuso do poder econômico, tudo em consonância com o art. 22, XIV, da LC 64/1990, com a redação dada pela LC 135/2010.

“O Portal Agreste Violento está a disposição da prefeita Neide Reino, para divulgar a sua versão”.

(Com informações do Blog de Roberto Almeida)

Compartilhe   

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Dois homens foram esfaqueados na noite desta segunda-feira (26), no Sítio Alto do Tégio, zona rural de Capoeiras, Agreste de Pernambuco.

A PM informou que as vítimas, Eduardo Lopes da Silva, de 22 anos e João Carlos Balbino da Silva, de 31, se desentenderam com um indivíduo identificado como, José Adeildo de Matos, José estava armado com uma faca peixeira e acabou lesionando as vítimas.

Eduardo e João, foram socorridos para a emergência do Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, receberam atendimento e foram liberados, o autor das lesões fugiu.

Compartilhe   

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

CADEIA DE CAPOEIRAS AGRESTEVIOLENTO.COM.BRUma mulher foi presa nesta segunda-feira (12), após enviar por um mototaxista uma encomenda para ser entregue a um detento da cadeia pública do município de Capoeiras, no Agreste.

A Polícia Militar informou que ao realizar revista nos produtos, foi encontrado dentro de dois frascos de shampoo vinte e cinco papelotes de maconha, o mototaxista mostrou onde a mulher estava e ela acabou sendo presa. Valdilene Vieira da Silva, foi encaminhada a delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvida e liberada.

Compartilhe