| PORTAL AGRESTE VIOLENTO

PM CONECTADO

Águas Belas (87) 99919.2115
Angelim (87) 99979.3204
Bom Conselho (87) 98101.7402
Brejão (87) 98101.8739
Caetés (87) 98146.4946
Canhotinho (87) 99612.2683
Capoeiras (87) 99629.3543
Calçado (87) 98116.4066
Correntes (87) 98134.0114
Garanhuns (87) 98139.1576
Jupi (87) 99962.2743
Jucati (87) 98111.2481
Lajedo (87) 98156.0805
Lagoa do Ouro (87) 991794150
Paranatama (87) 98121.5364
Palmeirina (87) 98143.4566
São João (87) 98116.1430
Terezinha (87) 98124.0865

Rádios e Parceiros

domingo, 22 de janeiro de 2017

Um elemento desconhecido foi abordado pela Guarda Municipal de Garanhuns no momento que possivelmente tentava praticar o roubo de uma motocicleta Pop 100 que se encontrava estacionada na Praça João Pessoa no Centro da cidade, na tarde deste sábado (21/01).

Ainda de acordo com a Guarda Municipal em sua página do facebook, o efetivo fazia patrulhamento pelo centro da cidade quando foi solicitado por um popular informando que havia presenciado um elemento tentando furtar uma motocicleta na referida praça. Com a chegada dos Guardas o indivíduo foi abordado e se encontrava com uma chave micha e um capacete, como também se passava por flanelinhas, porém diante das indagações sobre sua função de flanelinha o mesmo não soube dá informações precisas e ao perceber que não conseguia ludibriar a guarnição aproveitou um descuido e empreendeu fuga não sendo mais visto apesar das buscas.

Fonte: https://www.facebook.com/Guarda-Municipal-de-Garanhuns-549261761752177/?fref=ts

Compartilhe   

sábado, 21 de janeiro de 2017

Na tarde de sexta-feira (20), a Polícia Militar encontrou um veículo Fiat Uno Eletronic, de cor vermelha, ano 1994 abandonado na Av. Ministro Marcos Freire, no bairro de Heliópolis em Garanhuns/PE. Os dados do veículo apresentavam queixa de roubo.

A PM informou que conseguiu localizar o proprietário do carro,  um  morador do Sítio Mimoso na zona rural de Paranatama/PE. Ele foi a delegacia de polícia e recebeu veículo. O roubo será investigado pela Polícia Civil.

Compartilhe   

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

A Polícia Civil através da 2ª Delegacia de Garanhuns disponibiliza à população, imagens de vídeos gravadas pelo sistema de segurança de uma lanchonete no bairro de Heliópolis em Garanhuns, onde aparece um elemento invadindo o estabelecimento comercial e agredindo os funcionários para roubar. O suspeito que usa de muita agressividade conseguiu roubar uma certa quantia em valores, em seguida desapareceu e não foi encontrado pela polícia.

Ainda de acordo com a Civil, o assalto ocorreu por volta das 22h30m do domingo (15/01). O meliante não usou arma para render as vítimas, mas há informações que dois elementos com essas características e utilizando uma motocicleta na cor preta haviam praticado outros roubos na cidade com uso de arma de fogo.

Qualquer informação a respeito deste indivíduo dever ser repassada a referida delegacia.

Compartilhe   

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Uma mulher que seria usuária de drogas foi presa na tarde desta quinta-feira (19), Mauritânia de Lima da Silva, de 31 anos, estava armada com uma faca e uma tesoura ameaçando os pais idosos. A PM informou que ela queria que os genitores dessem dinheiro para ela comprar drogas, ela foi levada para a delegacia de polícia para as medidas cabíveis.

Compartilhe   

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Duas motocicletas que apresentavam registro de roubo foram recuperadas nesta quinta-feira (19) pela Polícia Militar.

Em Caetés, a PM realizava rondas quando flagrou um elemento realizando manobras perigosas em uma moto de placa KGF-0211, foi realizada perseguição, ele acabou perdendo o controle e caiu, João Vinicius Silva dos Santos, de 18 anos, foi levado ao plantão da 18ª Delegacia Seccional para adoção das medidas cabíveis.

Em Garanhuns, a Patrulha Rural realizava rondas quando localizou a motocicleta de placa OYL-4505, abandonada as margens da rodovia BR-424, o proprietário informou que foi vítima de assalto na última quarta-feira (18), a moto foi entregue na 1ª delegacia para as medidas cabíveis.

Compartilhe   

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

No final da tarde desta quarta-feira (18), o efetivo da Patrulha Rural apreendeu 06 pedras de crack e 01 big-big de maconha, com um elemento que se encontrava na Rua Roldão Guimarães, no bairro da Cohab III, em Garanhuns. A Polícia Militar informou que o efetivo da Patrulha Rural realizava rondas naquele bairro quando avistou um grupo de pessoas, que ao perceberem a presença policial o suspeito, José Genalvo Cândido, de 28 anos, morador do Sítio Batinga em Jucati, tentou se desvencilhar do grupo antes da chegada dos policiais, mas foi abordado e no local que ele se encontrava os policiais localizaram a referida droga.

Ainda segundo a polícia, o suspeito informou que teria ido aquele bairro no intuito de comprar a droga, devido ser usuário de entorpecente. Ele foi encaminhado para a Delegacia Regional em Garanhuns e autuado em flagrante, sendo posto em liberdade para responder ao processo.

Compartilhe   

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Motorista do veículo foi liberado após o crime em Garanhuns

Um caminhão carregado com fraldas descartáveis avaliadas em R$146 mil foi recuperado pelas Polícias Militar e Rodoviária Federal na noite da última quarta-feira (18), em Águas Belas, no Agreste de Pernambuco. O motorista do veículo foi encontrado na BR 424, em Garanhuns.

Agentes da PRF receberam informações de que um caminhão havia sido roubado em Águas Belas e dirigiram-se ao município em busca do veículo. Durante o deslocamento, a equipe foi ao encontro do motorista e solicitou o apoio da Polícia Militar para localizar o veículo na região.

Quando chegaram próximo ao antigo posto fiscal da BR 423, o caminhão foi encontrado às margens da rodovia com as portas destravadas. No interior da cabine foram abandonados a carteira do condutor com R$ 124,00 em cédulas e documentos diversos.

O caminhão e a carga foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil local, para registro da ocorrência e posterior devolução à empresa responsável.

Compartilhe   

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

A Polícia Federal em Pernambuco tendo em vista a propagação de um vídeo de pornografia infantil que viralizou na internet e tem provocado grande comoção e revolta nas pessoas, informa o seguinte: É necessário esclarecer que é crime divulgar, compartilhar, armazenar e produzir vídeos com conteúdo pornográfico infantil com penas que variam segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente de 1 a 8 anos de reclusão. Isto vale também para qualquer pessoa que divulgue tal conteúdo nas redes sociais com o objetivo de “estar tentando ajudar ou colaborar com a identificação dos suspeitos”. Ao se receber tais vídeos eles devem ser baixados através de uma mídia de armazenamento e ser entregue diretamente numa delegacia de polícia especializada em investigar tais casos, mas nunca por iniciativa própria divulgar na internet ou redes sociais.

Também não se deve acreditar em boatos ou informações precipitadas de pessoas não autorizadas sobre a identificação de possíveis autores do crime! Tais juízos, sem provas podem trazer sérias consequências, inclusive para a vida de pessoas inocentes que sob forte comoção popular pode atrair a revolta e violência através de linchamentos de forma equivocada e criminosa.

ADIANTE SEGUE ALGUMAS DICAS PARA SE PROTEGER DOS BOATOS:

COMO SURGEM OS BOATOS? Surge por iniciativa de quem deseja explorar a “facilidade” que as pessoas têm de acreditar em tudo o que aparece na internet bem como a exploração de forma errada do sentimento de revolta, indignação, repulsa e comoção nas pessoas. Como é da natureza humana se comover, muita gente sente piedade ou mesmo culpa quando não ajudam ou não fazem nada. Então no imaginário popular acredita-se que a única forma de ajudar a encontrar o criminoso seria encaminhando a mensagem para um maior número de pessoas. Porém, tal informação quando inverídica pode acabar expandindo o alcance do boato e da mentira acarretando em alguns casos até na morte de pessoas inocentes.

COMO SE PROTEGER DOS BOATOS?

QUESTIONE A FONTE QUE ESTÁ REPASSANDO A INFORMAÇÃO: Use o bom senso e seja um pouco cético em relação ao que lê e recebe através das redes sociais! Antes de repassar qualquer informação se faz necessário averiguar a confiabilidade de tais notícias. NÃO ACREDITE NA POSTAGEM CASO NÃO HAJA A IDENTIFICAÇÃO EXATA DE QUEM PASSOU A NOTÍCIA. Desconfie quando a resposta for: “quem passou foi um amigo”, “um policial” ou “recebi de um outro grupo”.

PROCURE SABER SE A MENSAGEM FOI PUBLICADA EM ALGUM NOTICIÁRIO DE TV, RÁDIO OU JORNAL: NEM TODAS AS FONTES SÃO CONFIÁVEIS.  A mesma internet que serve para espalhar o boato, ela também serve para desmenti-lo. Na dúvida NÃO REPASSE A INFORMAÇÃO.

DESCONFIE DE MENSAGENS ALARMISTAS: Não caia no alarmismo nem na tentação de repassar notícias com afirmações apelativas. Os boatos infundados estão sempre repletos de termos tais como: “cuidado”, “alerta”, “atenção”, “repasse esse texto urgente”, “este conteúdo não é falso” “por favor não ignore essa mensagem compartilhe agora com o máximo de pessoas possíveis” ou “não ignore esta notícia porque ela não é falsa”.

DESCONFIE DE INFORMAÇÕES IMPRECISAS: outra característica comum nos boatos é a ausência de datas e locais. Usa-se muito frases como “esta semana”, “amanhã”, “na sexta-feira” e afins, mas nunca afirmam exatamente qual dia, mês e ano específicos. A imprecisão também se repete no que diz respeito ao local dos fatos e pessoas envolvidos. Na maior parte das vezes, surgem apenas dados genéricos, sem especificar, por exemplo, um nome de rua ou de pessoas ligadas à situação em questão.

A VEICULAÇÃO DE IMAGENS E INFORMAÇÕES DE CRIMINOSOS SÓ TEM CREDIBILIDADE SE FOREM REPASSADOS PELA POLÍCIA- As pessoas devem tomar muito cuidado para não dar crédito a informações falsas de pessoas que cometeram crimes e que estão sendo procurados pela justiça e pela polícia! Geralmente tais conteúdos são divulgados pelos órgãos policiais competentes, através de informações precisas e até mesmo na confecção de retratos falados que torna a notícia altamente confiável.

QUAIS AS CONSEQUÊNCIAS DOS BOATOS: Dependendo das circunstâncias, um boato na internet pode causar vários problemas, razão pela qual este tipo de conteúdo deve ser combatido. EIS ALGUNS TIPOS DE TRANSTORNOS: O boato pode ofender, denegrir, causar constrangimento ou comprometer a reputação de alguém, linchamentos, baderna, violência, depredações e ATÉ À MORTE DE PESSOAS INOCENTES; Da mesma forma, o boato pode causar problemas a empresas que, além de reputação arranhada, poderão ter que investir dinheiro e trabalho extra para desmentir ou amenizar a situação provocando demissões; Uma falsa comunicação de crime prejudica todo o meio social deixando de atender e socorrer pessoas que realmente estão precisando de ajuda imediata por parte da polícia e de ambulâncias;

BOATOS NA INTERNET É CRIME?
Os boatos nas redes sociais, WhatsApp, Twitter podem ser caracterizados como crimes. É preciso muito cuidado no uso da internet. A pessoa pode compartilhar uma informação que não é verdade, achando que está ajudando, ou fazendo o bem, mas ela pode estar prejudicando uma pessoa inocente. HÁ LIMITES PARA TUDO, INCLUSIVE PARA O EXERCÍCIO DE DIREITOS FUNDAMENTAIS. É NECESSÁRIO NÃO CONFUNDIR LIBERDADE DE EXPRESSÃO COM OFENSA.

CRIME CONTRA A HONRA DAS PESSOAS:

CALÚNIA – (Artigo 138 do Código Penal: “caluniar alguém imputando-lhe falsamente um fato definido como crime”). Se você acusar “a faxineira de ter sumido com seu dinheiro” ou se você acusar o seu vizinho “de ter entrado na casa do seu amigo e roubado suas jóias” – ou seja, um crime – sem ter provas, estará praticando calúnia e pode passar de 6 meses a 2 anos preso, além de pagar uma multa.

DIFAMAÇÃO – (Artigo 139 – “difamar alguém, imputando-lhe fato ofensivo à sua reputação”). Se você contar no almoço que “a fulana trai o marido com todo mundo” ou diz que “sua vizinha deixou de pagar as contas ficando devedora ou com o nome sujo na praça”, você está cometendo uma difamação e pode passar de 3 meses a 1 ano preso, além de pagar multa.

INJÚRIA – (Artigo 140 – “injuriar alguém, ofedendo-lhe a dignidade ou decoro”). Injúria é qualquer xingamento dito diretamente à pessoa, atribuindo-lhe qualidade negativa não importando se for falsa ou verdadeira. Se você chamar sua amiga de ladra, imbecil, hipócrita está cometendo uma injúria. A injúria pode ser cometida de forma verbal, escrita ou, até mesmo, física. A injúria física tem pena maior e caracteriza-se quando o meio utilizado for considerado aviltante (humilhante). Por exemplo: um tapa ou uma cuspida no rosto. A verdade da acusação não muda em nada o crime e, caso alguém resolva lhe processar, você pode pegar penas que variam de 1 a 6 meses ou ter que pagar uma multa.

INJÚRIA DISCRIMINATÓRIA – (Artigo 140 § 3º – “Se a injúria consiste na utilização de ofensas referentes a raça, cor, etnia, religião, sexualidade, origem ou a condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência”) você pode pegar penas que variam de 1 a 3 anos de reclusão, além de pagar uma multa.

COMUNICAÇÃO FALSA DE CRIME OU DE CONTRAVENÇÃO – (Artigo 340 – “provocar a ação de autoridade, comunicando-lhe a ocorrência de crime ou de contravenção que sabe não se ter verificado” você pode pegar penas que variam de 1 a 6 meses de detenção, além de pagar multa.  Desde um trote infantil, até uma decisão deliberada de enganar o poder público, a falsa comunicação de crime é uma infração penal, no Brasil.

Compartilhe   

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Um homem de 26 anos teve sua moto tomada de assalto quando entregava pizza na Rua Princesa Isabel no bairro da Boa Vista em Garanhuns por volta das 22h30m de quarta-feira (18). Os bandidos que seriam dois homens e duas mulheres ainda desferiram um golpe de faca peixeira nas costas da vítima que foi socorrida para o hospital local, medicada e liberada.

De acordo com a polícia, a quadrilha levou a moto CG 125, de cor preta, ano 2014 e placa OYL-4505/PE. O policiamento só foi informado do assalto após a vítima dá entrada no hospital. Foram feitas rondas em buscas dos meliantes, mas eles não foram encontrados.

Compartilhe   

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

O proprietário de uma motocicleta roubada na cidade de Caruaru procurou a Polícia Militar em Garanhuns e comunicou que havia localizado sua moto na Rua 14, Vale do Mundaú em Garanhuns. De acordo com a PM, uma guarnição local junta com o efetivo do Núcleo de Inteligência do Agreste (NIA) foram ao local e encontraram a moto estacionada na frente de uma residência, porém o indivíduo que estava utilizando a motocicleta não se encontrava em casa e não foi localizado.

A moto, CG Fan, de cor roxa, foi apreendida e encaminhada para a Delegacia Regional da cidade para os procedimentos legais de entrega ao proprietário.

Compartilhe