| PORTAL AGRESTE VIOLENTO

PM CONECTADO

Águas Belas (87) 99919.2115
Angelim (87) 99979.3204
Bom Conselho (87) 98101.7402
Brejão (87) 98101.8739
Caetés (87) 98146.4946
Canhotinho (87) 99612.2683
Capoeiras (87) 99629.3543
Calçado (87) 98116.4066
Correntes (87) 98134.0114
Garanhuns (87) 98139.1576
Jupi (87) 99962.2743
Jucati (87) 98111.2481
Lajedo (87) 98156.0805
Lagoa do Ouro (87) 991794150
Paranatama (87) 98121.5364
Palmeirina (87) 98143.4566
São João (87) 98116.1430
Terezinha (87) 98124.0865

Rádios e Parceiros

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Agentes da Delegacia de Polícia Civil de Lagoa do Ouro, no Agreste de Pernambuco, realizaram nesta terça-feira (20), uma operação que resultou no cumprimento de mandado de prisão de um homem que assassinou o cunhado no ano de 2015.

Cícero Tiago Machado da Silva, estava escondido em um distrito do município de Belém, no Estado de Alagoas, a equipe foi ao local em uma viatura descaracterizada, Cícero ao perceber a aproximação do veículo empreendeu fuga, houve perseguição e ele acabou sendo preso, desde o dia do crime o caso era investigado pela Polícia Civil que recebeu diversas denúncias do paradeiro do acusado, após a prisão Cícero foi trazido para Pernambuco e recolhido a cadeia pública de Bom Conselho.

RELEMBRE O CASO

Um crime em família foi registrado na tarde deste domingo (28/06/2015) na zona rural de Lagoa do Ouro no Agreste de Pernambuco.

Segundo informações o homicídio aconteceu na Rua Edvaldo Felipe Santiago no distrito de Igapó, a vítima Júlio César da Silva Cacelle, 19 anos foi assassinado pelo cunhado Cícero Tiago Machado da Silva, Júlio era casado com a irmã de Cícero, de acordo com a polícia o crime teria sido motivado por uma rixa antiga entre vítima e acusado por motivo de agressões em família. Nesta tarde eles teriam se encontrado, se desentenderam e Cícero armado com uma faca peixeira desferiu golpes que atingiram Júlio no abdômen, costas e pescoço, a violência foi tamanha que deixou as vísceras da vítima expostas, após a prática do crime o suspeito fugiu, a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Compartilhe   

domingo, 18 de dezembro de 2016

Na manhã de sábado (17), o corpo de um jovem de 23 anos foi encontrado em avançado estado de decomposição dentro de um matagal no Sítio Serra Grande, área rural do município de Lagoa do Ouro, no Agreste de Pernambuco. De acordo com as informações da Polícia Militar, a vítima foi identificada como José Adeildo dos Santos que era solteiro, agricultor, e morava naquela localidade.

Ainda segundo a polícia, devido ao avançado estado de decomposição não foi possível saber de que forma a vítima veio a óbito. Como também não foi possível visualizar qualquer tipo de lesão grave.

A Polícia Civil foi comunicada do ocorrido e após levantamento prévio do local do crime o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina legal (IML), onde deverá ser esclarecida a causa da morte.

Compartilhe   

quinta-feira, 01 de dezembro de 2016

policia-civil-apreensao-armas-lagoa-do-ouro-agreste-violentoA Polícia Civil realizou na tarde desta quinta-feira (1º), uma operação na zona rural do município de Lagoa do Ouro, no Agreste de Pernambuco.

A ação que foi coordenada pelo Delegado Alex Almeida, teve o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão na fazenda pertencente a Ademilton Monteiro, no local os policiais localizaram três espingardas calibres 12, 22 e 38, também foi apreendido um revólver calibre 38 e munições de diversos calibres.

A operação faz parte das investigações da morte de Ivanildo Ferreira Costa, que tem como Suspeito José Alaerson, elemento que encontra-se preso na Cadeia Pública de Bom Conselho, José Alaerson no dia do crime foi para a fazenda onde passou o dia trabalhando como se nada tivesse feito.

Durante as apreensões o dono da fazenda não estava, ele será indiciado por posse ilegal de arma de fogo.

RELEMBRE O HOMICÍDIO:

HOMICIDIO LAGOA DO OURO AGRESTEVIOLENTO.COM.BRgivaldo ferreira homicidio lagoa do ouro agresteviolento.com.br

Um homem foi assassinado na manhã deste sábado (16), no Sítio Lavras na zona rural do município de Lagoa do Ouro, Agreste de Pernambuco.

Givaldo Ferreira Costa, de 54 anos, estava com o irmão em sua propriedade ordenhando as vacas, quando se ausentou para olhar a lavoura, foi quando o irmão ouviu disparos de arma de fogo e já o encontrou na plantação de milho sem vida, Givaldo foi alvejado por quatro disparos que atingiram cabeça, braço, costas.

agricultor assassinado lagoa do ouro agreste violentoFamiliares informaram não terem visto nenhum elemento suspeito deixando o local e que a vítima não tinha inimizades, o corpo permaneceu no local até a chegada de policiais civis da Divisão Especial de Apuração de Homicídios (DEAH), eles deram início as investigações preliminares e o corpo foi recolhido ao Instituto de Medicina Legal (IML), em Caruaru, no Agreste.

Compartilhe   

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

bradesco-lagoa-do-ouro-agreste-violento-2Cerca de 10 homens fortemente armados explodiram na madrugada desta sexta-feira (25), o Caixa Eletrônico do posto de atendimento do Bradesco do município de Lagoa do Ouro, no Agreste de Pernambuco.

A ação aconteceu por volta das 01h45, o grupo chegou ao prédio que fica na Praça da Conceição, arrancaram um portão de ferro, quebraram a porta de vidro, foram até o caixa e usaram dinamites para explodi-lo, deixando parte do prédio destruído.

bradesco-lagoa-do-ouro-agreste-violento-1Para intimidar a população o grupo efetuou diversos disparos de arma de fogo pelas ruas, e fugiram levando uma quantia em dinheiro não revelada.

Com a chegada do reforço policial foram realizadas diligências mais os assaltantes conseguiram fugir, ainda pela madrugada mesmo assustados populares foram ao local observar de perto o que tinha acontecido e demonstraram insatisfação com a falta de segurança na região, não foi a primeira vez que esse tipo de crime foi praticado na cidade.

Compartilhe   

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

lagoa-do-ouro-tratamento-ortodontico-agreste-violento-3O município de Lagoa do Ouro, a 266 Km da capital Recife, é o único no estado de Pernambuco a oferecer o serviço de Ortodontia, aparelhos fixos e móveis, no Centro de Especialidades Odontológicas. A Ortodontia tem como objetivo a prevenção e tratamento das más oclusões dentárias. Começou a ser ofertada no SUS, a partir de 2011, com a publicação da Portaria 718/SAS de 20/12/2010.

lagoa-do-ouro-tratamento-ortodontico-agreste-violento-2ewO CEO de Lagoa do Ouro foi inaugurado em 2012, com os serviços de endodontia (canal), cirurgia, periodontia, diagnóstico de lesões bucais, atendimento à pacientes com necessidades especiais, além do serviço de prótese dentária. A partir de julho de 2016, passou a ofertar o serviço de Ortodontia para os jovens do município, portadores de má oclusão.

Segundo a coordenadora de saúde bucal do município, Dra. Karina Mélo, os pacientes com má oclusão, após concluírem o tratamento odontológico necessário, por exemplo, limpeza, restaurações entre outros, são encaminhados pelos dentistas das Unidades de Saúde da Família para triagem e avaliação ortodôntica com o Dr. Marcus Ávila, ortodontista do município.

A estudante Esmeralda Vieira Teixeira, 15 anos, deficiente auditiva e paciente do CEO desde 2012, foi uma das jovens triadas para Ortodontia. Filha de mãe agricultora, tinha como sonho “corrigir” os dentes, mas não tinha condições financeiras de arcar com o tratamento. Segundo sua mãe, a mesma ao chegar em casa correu para acordar o irmão e mostrar que estava de aparelho.

lagoa-do-ouro-tratamento-ortodontico-agreste-violento-1A manutenção do aparelho é feita mensalmente no CEO, são feitos os ajustes necessários e o agendamento do retorno. De acordo com a Secretária de Saúde do município, Nilva Mendes, o único custo para o paciente é a documentação ortodôntica.

Compartilhe   

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Um agricultor foi preso na tarde do domingo dia 13, quando pilotava uma motocicleta no município de Lagoa do Ouro, no Agreste.

A Polícia Militar informou que realizava abordagens quando o condutor da Biz de placa PEH-1003, foi abordado, não tinha documentos do veículo nem pessoais, os PMs consultaram os dados verificando que existia registro de roubo.

O condutor José Nilton Ferreira dos Santos, de 29 anos e o veículo que não tinha placa foram levados para a delegacia de polícia para as medidas cabíveis.

Compartilhe   

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

A Polícia Militar recuperou na manhã desta quarta-feira (9), no centro do município de Lagoa do Ouro, uma motocicleta Honda Fan, de cor preta, que constava no sistema da Secretaria de Defesa Social (SDS) como roubada. No momento da abordagem, o veículo era conduzido por José Orlando Araújo, de 29 anos. Ele informou que a moto pertencia a Cícero Machado dos Santos, de 21 anos. A PM conduziu os dois para a delegacia de polícia, onde foi registrado um Boletim de Ocorrência (BO), ficando a motocicleta apreendida.

Compartilhe   

terça-feira, 01 de novembro de 2016

logo-nova-agreste-violentoHá exatos seis anos, nascia o portal “Agreste Violento”. No início, despretensioso, apenas com a intenção de ocupar um vácuo no noticiário policial da região, outrora de grande repercussão. Sempre atento aos fatos e antenado com fontes de dentro dos batalhões e delegacias da região, o Agreste Violento ganhou força. Virou um fenômeno de audiência e conquistou não apenas o agreste mas foi além. Chegou aos sertões, ao agreste setentrional e hoje é acessado diariamente na capital do Estado e até fora de Pernambuco. É sem dúvidas, uma das principais fontes de notícias do Agreste de Pernambuco.

Tanto sucesso assim, não teria razão de existir, não fosse a dedicação de Paulo Fernando e Jailson Ferreira. Com o tempo, o design foi mudando, mas sempre mantendo as características iniciais como o preto ao fundo que representa o luto de uma sociedade por cada vida ceifada pelos criminosos. O Agreste Violento não acusa ninguém, faz um jornalismo imparcial e tem como credo sempre respeitar as vítimas e os seus familiares.

As emissoras de rádio da região se tornaram “viciadas” no portal e não só isso, viraram parceiras do Agreste Violento. Tanta audiência assim – até hoje são mais de 65 milhões de acessos -, não poderia ficar restrita apenas a casos policiais. A sua editoria decidiu abrir o leque e divulgar boas notícias também. São fatos que se tornam relevantes nas cidades do Agreste e logo viram notícia.

DENÚNCIAS – O portal também tem uma preocupação em participar da vida sociedade, ajudando na elucidação de casos complexos. O serviço de denúncia é um dos pontos fortes do Agreste Violento. O internauta que sabe do paradeiro de algum foragido ou de algum crime que ocorre em silêncio, denuncia no portal, que por sua vez, encaminha o pleito às autoridades competentes. Assim, o jornalismo deixa de ser apenas notícia e se torna parceiro da sociedade.

Vida longa ao Agreste Violento!

Paulo Fernando

Compartilhe   

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Um agricultor foi preso nesta segunda-feira (24), em Lagoa do Ouro, no Agreste pernambucano. Geraldo Ventura Torres, de 49 anos, estava embriagado e teria chegado a casa do pai embriagado.

A Polícia Militar informou que ele estava bastante agressivo e tentou agredir o pai, idoso de 83 anos,  a vítima reagiu tendo eles entrado em luta corporal, Geraldo foi preso e levado a Delegacia de Polícia, onde foi entregue para as medidas cabíveis.

Compartilhe   

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

operacao-pm-lagoa-do-ouro-correntes-agreste-violento-1Na noite desta terça-feira (18), o Capitão Fernandes, comandante da 3° Companhia do 9º BPM, realizou a Operação de Combate aos Cvlis (Crimes Violentos Letais Intencionais), nos municípios de Correntes e Lagoa do Ouro, no Agreste.

operacao-pm-lagoa-do-ouro-correntes-agreste-violento-3Na Operação foram utilizadas 02 ( duas) viaturas e 08 ( oito) policiais militares, sendo parte deles da atividade administrativa.

operacao-pm-lagoa-do-ouro-correntes-agreste-violento-2Durante a Operação foram realizadas abordagens a motociclistas, bares e transeuntes que estavam nas ruas, o objetivo da operação além de evitar crimes contra a vida, foi preservar a ordem pública e  garantir a segurança da população.

Nos últimos dias não houve registro de homicídio nas duas cidades.

Compartilhe